10 dicas para otimizar URLs para mecanismos de busca

Escrito por

Quando a internet apareceu, apesar de inovadora, a tecnologia ainda era bem limitada. Desse modo, podemos dizer que a URL era apenas um código para conseguir se chegar ao site – simples assim.

Entretanto, com o passar do tempo e o avanço tecnológico, os mecanismos de busca se tornaram cada vez mais sofisticados e complexos, assim como aconteceu com os serviço de automação e com muitos outros.

Então, para se posicionar cada vez melhor nas redes e conseguir alcançar mais pessoas, novas técnicas foram sendo desenvolvidas. Assim, a URL se tornou uma identidade visual importantíssima para as empresas.

Atualmente, a estrutura utilizada na URL é fundamental para se obter o máximo de exposição e alcance. O ideal é adotar estruturas que sejam amigáveis, tanto para as pessoas que buscarão algo quanto para os mecanismos de busca. 

Ademais, a tecnologia está tão avançada que até a tradução de sites simultânea existe. Inclusive, alguns mecanismos de busca classificam as URL em níveis – quanto maior, melhor. 

Inclusive, os novos algoritmos estão trabalhando para proporcionar aos usuários melhores experiências online. E cada um desses usuários pode se tornar um cliente em potencial, independentemente de qual seja o ramo da empresa.

Sendo assim, uma URL consistente pode melhorar – e muito – os resultados de suas vendas na web. Desde displays personalizados até mesmo o layout, hoje em dia, tudo conta para que as pessoas tenham um bom relacionamento com seu site.

Pois bem, neste artigo vamos explorar 10 dicas para otimizar a URL do seu negócio e melhorar sua exposição nos mecanismos de busca.

Como aplicar ações para otimizar URLs para os mecanismos 

Para aplicação correta de uma URL amigável para seu site, primeiro é preciso entender o que isso significa. Então, é possível dizer que a URL é o endereço virtual de um site, basicamente. 

Ademais, quando surgiu, significava Uniform Resource Locator (Localizador Uniforme de Recursos), e não tinha tantos recursos como hoje – e talvez nem tanta importância. 

Entretanto, é necessário dizer que através da URL, a página se torna acessível por uma sequência de números que são convertidos pelo sistema DNS.

Além disso, os elementos que compõem uma URL seguem um padrão, e por meio deste padrão é possível identificar partes diferentes, como se fosse um protocolo, os domínios e os subdiretórios. Ou seja, é utilizado como comando e sinalização do site.

10 dicas para otimizar a URL do seu negócio

Aqui listamos 10 dicas infalíveis para você otimizar as URLs do seu negócio e bombar nos mecanismos de busca. Está preparado? Então confira a lista completa que trouxemos para você!

1 – Palavras simples

As palavras presentes nas URLs devem ser simples. Quando estamos navegando pela internet, palavras simples e simbólicas tendem a nos chamar muito mais atenção do que as mais complicadas.

Opte por simplificar ao máximo, utilizando a criatividade, para elaborar uma URL de sucesso. Além de auxiliar na memorização, é muito mais fácil na hora da recomendação por boca a boca – um marketing que nunca sai de moda.

Então, se a sua página falar sobre sistema de alarme, escolha para a URL do artigo poucas palavras, uma vez que o próprio assunto não exige tanto.

2 – Evite os códigos

Muitas vezes, em plataformas de e-commerce e blogs, são adicionados através de um padrão códigos de números e letras à URL. Mesmo fazendo parte do sistema, esses códigos são feios e dificultam a identificação do que está escrito.

Inclusive, na maioria dos casos, as plataformas permitem que os códigos sejam alterados por palavras ou textos mais compreensíveis.

3 – Evite duplicação de URL

As “aranhas” dos mecanismos de busca varrem as páginas na internet atrás de plágios. Os sites que possuem conteúdo iguais são punidos e podem afetar, diretamente, no sucesso da sua página.

Esteja atento ao publicar o mesmo conteúdo em páginas diferentes, isso pode prejudicar o rankeamento do seu site. Na mesma linha, algumas URL podem ter o mesmo conteúdo publicado.

A dica aqui é incluir na URL códigos para que a duplicação não seja notada pelos mecanismos de busca. 

Adicione tags para diferenciar seu site de outro e assim por diante, por exemplo: se fizer um artigo falando sobre automação comercial equipamentos, opte por não repetir esta mesma palavra-chave no outro texto.

Claro que, o plágio em si não é bem recebido pelas aranhas das buscas, por esta razão, evite ao máximo!

4 – Palavras-chaves

A utilização de palavras-chave têm se tornado cada vez mais comum para otimizar sites na internet. Isto porque os próprios mecanismos de busca utilizam este método para segmentar suas pesquisas.

Porém, ao escolher a palavra-chave para o seu negócio, estude-a e se certifique que está fazendo a escolha correta. Se utilizar sabiamente as palavras-chave em sua URL, as chances de uma ótima visualização nas buscas aumenta esporadicamente.

Essa tecnologia é relativamente nova, porém, fique ligado e atento porque novas tendências e tecnologias surgem o tempo todo.

5 – Opte por URL curtos

Quanto mais simples a URL for, melhor. Especialistas em SEO, que é uma técnica que se utiliza de palavras-chave para otimização de páginas e sites, dizem que o tamanho não importa, o resultado dentro dos mecanismos de busca é o mesmo.

Entretanto, para os usuários de plataformas diversas, quanto maior, pior. Pois dificulta a memorização, e muitas vezes até a forma como se fala a URL. Uma estrutura menor é muito mais atraente, pois é compreendida mais facilmente.

E, consequentemente, se mais pessoas se sentem atraídas pelo conteúdo, mais cliques a página consegue acumular. E o resto já sabemos, aumento de vendas, visibilidade, entre outros.

6 – Escolha títulos

Na maioria das vezes, as URL são preenchidas com códigos e palavras que estão presentes na página que representa. O problema é que nem sempre esses títulos que ficam impressos nela transmitem confiança.

Alguns usuários podem julgar a credibilidade daquela legenda, uma vez que passa a não fazer sentido. E o site pode perder pessoas interessadas por causa de um pequeno detalhe – e sabemos que faz toda a diferença, e é possível ter um controle de acesso.

Fique atento e evite deixar os espaços em branco na hora de preencher uma URL. Aposte no próprio título para preenchimento desse espaço.

7 – Evite o uso de conectivos

“Mas”, “e”, “para”, “de” são conectivos importantes na oratória e até mesmo na escrita, afinal é o que atribui sentido às frases. Entretanto, quando se trata de URL e mecanismos de busca, esses conectivos são inúteis e só atrapalham. Por esta razão, evite-os.

Essas palavras podem até mesmo distorcer o objetivo da URL e direcionar os usuários para locais dos quais não gostem. Assim como as palavras-chave, quanto maior objetividade, melhor. 

8 – Separe as palavras

Separar as palavras utilizando separadores próprios, como o sublinhado (_) e o traço (-) são fundamentais para a melhor compreensão do título da página. A leitura se torna menos grosseira e até a memorização fica melhor.

Pensando nisso, se a empresa é de cabeamento de dados, por exemplo, utilize na URL termos como: cabeamento_dados.

9 – Redirecionamentos

O redirecionamento serve para que os mecanismos de busca encontrem páginas alternativas na rede, também funciona para os usuários. 

Então, tendo isso em vista, seu negócio pode aproveitar essa situação que ocorre frequentemente com links quebrados e URL editadas, mesmo mantendo o tráfego de maneira constante nos links.

Não é uma estratégia que deva ser utilizada com muita frequência e nem incluída nas campanhas de marketing da sua empresa, mas vale a pena conhecer. 

10 – Aposte em diferentes versões

O www ou o http são reconhecidos e considerados entidades separadas. Corre até mesmo o risco de perder posições de rankeamento por não trabalhar as duas versões, pois os motores de busca podem considerar conteúdo duplicado.

Então, para evitar esses desentendimentos, crie versões tanto por sites com e sem o www.

Até mesmo os mecanismos de busca consideram a utilização desses separados a melhor opção para classificar e rankear as URLs. 

Benefícios das URLs para sua marca

Na hora de criar uma marca, tudo deve ser levado em conta, tanto a parte de produtos e serviços, até mesmo, a estrutura que será utilizada na hora de montar um site. Diversas técnicas de marketing digital estão em alta, tais como:

  • Marketing de conteúdo;
  • Inbound marketing;
  • SEO;
  • Tráfego pago;
  • Mídias sociais;
  • Entre outros.

Todos esses recursos podem ser aliados a uma estrutura de URL amigável e segura, e vai auxiliar a impulsionar os resultados do seu site.

Aparecer melhor nos mecanismos de busca atuais é a melhor ferramenta para aumentar a visibilidade da sua marca – ganhar seguidores e criar conexões com os clientes.

Tudo isso está relacionado a uma campanha de marketing digital efetiva e que tem como objetivo gerar resultados. Os benefícios de uma URL elaborada para a sua marca é, de fato, maior visibilidade e visitas.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta