5 erros para não cometer no mercado de afiliados

Escrito por

Existem diversas vantagens e benefícios para uma empresa que decide investir no mercado de afiliados, pois ele surge como uma oportunidade de lucrar na internet. Contudo, ele ainda é um tópico muito desconhecido no mundo de negócios. 

Porém, primeiramente é essencial entender o que significa esse conceito. Ele se refere a uma parte do marketing que tem o foco em vender produtos, seja pela internet ou pelo mundo offline, por meio de indicações por links. 

Com isso, a cada compra realizada graças à divulgação, o afiliado ganha uma porcentagem acertada como forma de remuneração. Tornando-se, então, uma forma de remuneração muito eficaz.

Isso pode servir para usar links de divulgação por publicações nas redes sociais, inseridos no meio de um texto para blogs, nos banners localizados em sua página, entre outros meios. 

Inclusive, essa é uma área que vem ganhando muitos adeptos nos últimos tempos, tendo um crescimento acelerado, uma vez que a concorrência cresceu consideravelmente, mas ainda está em fase de ascensão. 

Essa estratégia é muito utilizada para a atração de novos clientes, pois garante um aumento do alcance da empresa e, como consequência, um aumento do lucro devido, principalmente, ao crescimento da venda dos produtos. 

Existem diversas plataformas de programa de afiliados disponíveis no mercado, possibilitando uma separação e definição do nicho em que estará inserido. 

O recebimento do retorno financeiro proveniente dessa estratégia pode ser definido com a empresa, sendo por uma porcentagem ou valor já estabelecido. Ademais, com relação ao âmbito lucrativo, ele pode ser separado em custo por ação, por clique ou por visualização.

O primeiro conceito se refere à definição de uma ação, e a empresa pagará de acordo com o número de vezes que ela for realizada. O mais utilizado é o que avalia em relação às vendas, mas existem os referentes ao número de cadastros ou por direcionamento a páginas. 

O segundo é um dos mais conhecidos, que é referente à frequência de cliques em determinado link, fazendo com que o afiliado receba de acordo com esse número. 

O último é o menos comum, contudo ele se refere à remuneração que ocorre de acordo com o número de visualizações que determinado conteúdo gera. 

5 erros para não cometer no mercado de afiliados - afiliados

Surgimento do marketing de afiliados

A primeira vez que surgiu o mercado de afiliados foi em 1989, quando William J. Tobin implementou essa estratégia da forma conhecida atualmente. Ele a utilizou na sua empresa, a chamada PC Flores e Presentes. 

Em 1996, a Amazon utilizou esse tipo de mercado ao lançar um programa chamado Associates, traduzido como “associados”. Ele atraiu interesse de muitas pessoas, tornando-se um modelo para vendedores que desejavam integrar um programa do tipo. 

Depois, em 1998, as primeiras redes de afiliados foram criadas, porém só em 2000, que foi consolidada a legitimidade da estratégia. E, desde então, foi ganhando destaque no mundo dos negócios. 

5 erros para não cometer no mercado de afiliados - afiliados

Entenda qual a importância do mercado de afiliados

Com o crescimento do mundo digital e do comércio dentro dessas plataformas, investir em estratégias para aumentar os resultados se tornou essencial. Isso porque o cliente consegue analisar todas as suas opções rapidamente. 

Além disso, com esse mercado, uma empresa consegue consolidar a sua imagem em meio à alta competitividade. É uma forma de expandir as maneiras de realizar as vendas sem estar presencialmente, um ponto essencial entre os anos 2020 e 2021, por conta da pandemia. 

5 erros para não cometer no mercado de afiliados - afiliado

5 principais erros a serem evitados

Existem algumas coisas que é preciso fazer para evitar surpresas ruins ao implementar o mercado de afiliados em uma empresa. Para impedir isso de acontecer, serão analisados os principais erros que devem ser cortados da rotina de uma empresa. Sendo eles:

  1. Coletar, mas não analisar informações;
  2. Não conhecer seu público consumidor;
  3. Esquecer dos visitantes;
  4. Mudar a fonte;
  5. Não fazer um planejamento.

Portanto, como forma de garantir que esses hábitos serão excluídos de uma empresa, cada um deles será entendido separadamente e com mais detalhes, confira:

  1. Sobre as informações

É vital para o sucesso dessa estratégia coletar informações, isso porque analisar o retorno sobre investimentos indica o sucesso do que foi implementado, sem contar a vantagem competitiva que é gerada. 

Por exemplo, se uma empresa de automação predial entende que seus resultados aumentam quando os afiliados estão nas redes sociais, ela pode focar nesse tipo, desenvolvendo-se e crescendo. 

Essas informações devem ser analisadas de acordo com o comportamento do público e a experiência do usuário, entendendo os seus passos e em quais momentos houve maior desistência dos consumidores. 

  1. Conheça seus consumidores

Um ponto essencial para qualquer empresa que deseja implementar o que for é conhecer o público consumidor. Assim, há a garantia de que as estratégias alcançarão os objetivos e chegarão a pessoas que podem comprar realmente. 

Dessa forma, há uma diminuição dos gastos em investimentos e ações que não darão resultados, pois não atingirão o seu público de interesse. Com isso, a empresa passa a ter um trabalho focado, aumentando a produtividade da equipe.

Por exemplo, uma empresa de tratamento de superfície que sabe que seu público é voltado para pessoas que acabaram de comprar uma casa ou de fazerem uma reforma, consegue focar em afiliados no nicho de decoração e casa para melhorar seus resultados. 

  1. Pense nos visitantes

Um erro que não deve ser feito é permitir que o visitante fique vagando sem rumo pelo site. Isso porque esse se torna o caminho para não haver conversão em resultados. Deve-se investir em estratégias eficientes para tornar visitantes consumidores. 

Para isso, é importante inserir frases objetivas e claras de instrução, ajudando o consumidor a escolher o que ele deseja. Basicamente, o principal ponto é implementar uma estratégia que valorize e melhore a experiência do usuário. 

Quando o visitante tem um bom momento durante seu tempo em um site, as chances aumentam, consideravelmente, de ele passar a consumir o que aquela página ou marca oferece. 

Por exemplo, se um visitante entra em um site que vende camisas personalizadas, ele deve gostar da página, entendendo todos os anúncios e como chegar até lá, para conseguir comprar e se tornar cliente. 

As consequências disso se tornam muito boas, pois entre elas estão: aumento do número de clientes, do lucro da empresa e um estabelecimento da imagem dela. 

  1. Não mude a fonte rapidamente

Algumas vezes, quando acontece uma queda na conversão, uma grande ação dos gestores é mudar a fonte de tráfego. Porém, esse é um dos grandes erros. É preciso definir uma fonte e permanecer nela até funcionar, não é permitido desistir. 

É preciso investir na realização de testes para facilitar para a empresa compreender se o que foi implantado está correto. Contudo, além disso, deve-se adaptar aos poucos as táticas usadas, para garantir melhora. 

Então, se uma empresa de tratamento acústico, por exemplo, deseja entrar nesse mercado, é importante que ela faça uma análise com testes, possibilitando entender se o que ela está fazendo está certo. 

  1. Faça um planejamento

Um dos grandes erros é se isentar da realização de um planejamento. Quando é estabelecido um plano de metas, a empresa consegue avaliar quando ela atinge aqueles que foram estabelecidos por ela. 

Dessa forma, é possível aumentar a produtividade de sua equipe, a qual se sente mais motivada por conseguir se desenvolver junto com a empresa. Consequentemente, há um aumento no lucro da empresa. 

Além disso, há garantia de organização sobre quem promoveu certa estratégia e quem deve ser recompensado. Para isso, é importante realizar uma reunião em grupo online com os afiliados separadamente, garantindo uma definição específica e organizada.

Logo, por exemplo, uma empresa que vende sensor indutivo precisa reunir os representantes de seus afiliados para passar as estratégias que deseja e aumentar seus resultados. 

5 erros para não cometer no mercado de afiliados - ilustracao photoshop

Principais vantagens de usar os afiliados

Utilizar o mercado de afiliados pode ser uma estratégia muito eficaz e benéfica para uma empresa que implementa e para um empreendedor que entra nesse processo como divulgador. Logo, serão comentadas algumas dessas vantagens, sendo:

Flexibilização do trabalho

Ao entrar no trabalho através do mundo digital, uma pessoa ganha a oportunidade de flexibilizar seu trabalho, uma vez que ela pode trabalhar em qualquer lugar e hora, permitindo criar sua rotina, seguindo apenas a entrega de trabalhos no prazo.

Por exemplo, se uma pessoa deseja se tornar afiliada de uma vendedora de dissipadores, ela só precisa postar em suas redes sociais sobre a marca, mas criando o seu próprio horário. 

Escolha dos nichos

É possível definir qual nicho se deseja investir, seja ele algo de sua especialização ou algum tópico apenas de interesse, pois o que importa é conseguir levar as pessoas a adquirirem determinado produto ou serviço.

Por exemplo, uma pessoa consegue definir se deseja investir no seu nicho de estudo de transmissor de temperatura e engenharia em geral, que é formada, ou se deseja se inserir no ambiente da moda, sua paixão. 

Baixo investimento inicial

Para iniciar com essa estratégia, os gastos não são excessivos, uma vez que a parceria dá resultados e os preços não são altos. Além disso, eles recebem de acordo com as suas performances.

Outro ponto é que é uma ferramenta muito mais benéfica, pois não exige a criação de um software caro. Ao utilizar redes sociais para propagar sua publicidade pode ser algo muito interessante e não exige custos. 

Por exemplo, se uma empresa de dutos de exaustão deseja se inserir nesse mercado, ela só precisa entrar no mundo digital e encontrar afiliados dispostos a fechar negócio, sem ter que gastar diversos recursos em uma tentativa. 

Coffee apple iphone smartphone

Conclusão

O mercado de afiliados está em crescimento e deve ser cada vez mais adotado pelas pessoas, devido aos seus benefícios e expressividade em resultados. Contudo, é muito importante considerar certas informações para prevenir erros na sua aplicação.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta